Domingo, 13 de Novembro de 2005

Amor é fogo que arde

fogo.jpg

Este fogo que me invade a alma e o corpo, deixa-me tonta, vejo-te aqui, junto a mim, olhas-me, e não precisamos falar, os olhos falam e amam, as mãos sobem e avançam por entre os corpos, sulcando cada pedacinho de pele, a tua boca leva-me à loucura demente dos sentidos aflorados, no momento em que um arrepio imenso me entra pelo corpo, e me faz abraçar-te querendo-te dentro de mim, sentes a pele queimar ao toque das minhas mãos, ao toque das minhas pernas que te envolvem e te empurram para mim, as bocas rompem o silêncio numa troca de sussurros loucos, o céu aproxima-se para ver, as estrelas cobrem-nos com o seu brilho e lua esconde-se, respeitando o momento mágico, as nossas mãos entrelaçadas deixam fluir o Amor que nos une...e nos separa, abro os olhos e choro, porque já não estás aqui…

publicado por cabeça na lua às 00:09
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Fevereiro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Convite...

. Prazer...

. Acreditar...

. Silêncio...

. Ausência...

. Hoje não...

. Fuga...

. Encanto no olhar...

. Ultima vez...

. Tocas-me...

.arquivos

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

SAPO Blogs

.subscrever feeds