Domingo, 8 de Janeiro de 2006

Inconfessável

inconfessavel.jpg

Á Luz dos sonhos, sou a sombra que quero projectar, sou ilusão, sou canção, sou pássaro que voa para lá do tempo, sou palavras secretas em que me desfaço sem confessar a verdade, sou segredos que me desvendo, mistérios que escondo, na face oculta do espelho do meu ser.
Em prosa, entrego-me ao sentir, às carícias sublimes, às magníficas emoções e sensações que a alma pode conter na sua leveza, disfarço fantasias loucas e inconfessáveis que me tocam o corpo, dissimulo o desejo e os devaneios que me inquietam, descrevo demagogias, metáforas de que abuso, rasgos de poesia que lanço ao vento e se perdem por aí, sem encontrar a rima certa.
Junto letras, nesta tela irreal, invento cores de poesia, que te penetram o íntimo, que te tocam e despertam os sentidos, enigmas indecifráveis, loucuras incontáveis e prazeres alucinados, que num sensacional passe de mágica, se libertam da minha alma, através dos meus dedos, e se transformam naquilo que os teus olhos, querem ler…
É esta, a magia das palavras…


publicado por cabeça na lua às 00:02
link do post | comentar | favorito
|
12 comentários:
De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 21:50
As palavras conseguem ser mágicas sim... mas essa magia vem dentro de ti!!!! Gostei, beijinhosAran_aran
(http://capricornioemim.blogs.sapo.pt/)
(mailto:Aran_aran@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 21:45
"Junto letras, nesta tela irreal, invento cores de poesia, que te penetram o íntimo, que te tocam e despertam os sentidos, enigmas indecifráveis, loucuras incontáveis e prazeres alucinados"...Lindissimo!!! é esta a magia das palavras!... Estive a ler alguns dos textos, quero felicitar-te pelo teu talento! Vais para os meus favoritos... Um beijofrog
(http://outravoz.blogspot.com)
(mailto:al.santos@netcabo.pt)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 21:26
Erotika

De manhã
seus seios brancos
chamaram
as aréolas girando
duas pêras quentes
flambadas
em minha
saliva atômica

Minha mão
qual aranha malformada
escorregou até
sua teia negra
e encheu de água
a caverna ao sul

então o vale entre
as colinas arrebitadas
recebeu o aríete
e viu-se inundado
de lava-seiva.

De manhã.

Carlos
(http://vagueando.blogs.sapo.pt/)
(mailto:c_m_a_n_u_e_l@hotmail.com)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 19:32
Realmente o que li foi pura magia de palavras........lindo lindo. E o blog está divino..........coloca uma musica sensual e vais ver o efeito que faz. Se me permites coloca seduz-me de celin dion...............visita o meu novo blog --------- http://omeuladoruim.blogs.sapo.pt/Ana Luar
(http://aromademulher.blogs.sapo.pt/)
(mailto:luar_zita@msn.com)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 15:05
Adorei...

Não vou dizer mais nada para não estragar o teu cantinho.

Um beijo, até outro instante de louca magia...Louco de Lisboa
(http://blog.comunidades.net/loucodelisboa)
(mailto:zneto@msn.com)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 14:49
...e não é a vida senão momentos mágicos vividos...lindo texto, delumbrantes e mágicas palavras...beijos magicos e com muito carinho minha amiga.Lagoa_Azul
(http://www.lagoaazul.blogspot.com/)
(mailto:bomdialagoaazul@gmail.com)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 13:33
passo para te deseja rum resto de fim de semana bem passado... nao sabia que andavas por aqui agora... ora entao um grande bem hajaInsolente
(http://oprazerdainsolencia.blogs.sapo.pt)
(mailto:aaa@aaa.aaa)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 11:48
Magia! Existe magia no teu blog. Magia nas imagens, fantásticas, magia nas palavras, sublimes, magia em ti própria, pois só com magia se pode fazer um blog assim, tão bonito. Gosto muito deste teu espaço que, se não vires incoveniente vou destacar no " Tulipa Negra".
Tulipa Negra
(http://www.espreitadelas.blogs.sapo.pt)
(mailto:tulipa_negra2@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 11:00
Bela descrição da magia das palavras!Todos nós lhe damos magia de maneira diferente, cabe a nós mesmos sermos os mágicos de as usar qdo nos parece mais sensato!Pena termos momentos em que a magia se vai...e todas as palavras que se dizem são em vão e perdem o seu encanto!BeijoGaybriel
(http://www.silenciosentido.blogs.sapo.pt)
(mailto:amor_amizade_1980@hotmail.com)


De Anónimo a 8 de Janeiro de 2006 às 02:06
Que bom voltar a comentar sobre magia...
Não há dúvidas...quem é fada nunca o deixa de ser, porque mantém sempre a sua magia, neste caso e sempre com muitos pozinhos representando cada letra, esta é realmente a tua magia das palavras... Obrigado por poder continuar a ler e a ser tocado por essa tua magia...
Beijinhosastronauta
(http://cordossonhos.blogspot.com/)
(mailto:mbento24@hotmail.com)


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 2 seguidores

.pesquisar

 

.Fevereiro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. Convite...

. Prazer...

. Acreditar...

. Silêncio...

. Ausência...

. Hoje não...

. Fuga...

. Encanto no olhar...

. Ultima vez...

. Tocas-me...

.arquivos

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

SAPO Blogs

.subscrever feeds